terça-feira, 31 de maio de 2011

Chamada Medicina & Saúde

Neste sábado o Medicina & Saúde vai falar sobre Alimentação Saudável - Uma Aliada da Saúde! Não perca as dicas de nutricionistas sobre os alimentos que você deixa de lado na hora das compras! É neste sábado, às 8h20 da manhã para Londrina e norte do estado, e 11h para Cascavel e região!

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Bernardo, meu presente de segunda-feira!

Então, tenho um amigo reclamão, mal-humorado (às vezes), mas que possui um senso de responsabilidade e consciência política fora do normal. Poderia ser como o Bernardo do genial Manoel de Barros, mas não é. É o "meu" Bernardo, tão longe mas tão presente com suas intervenções oportunas e olhar carinhoso. Bernardo é um achado em termos de amizade e sorte tem quem compartilha de sua convivência diária. Ah, falei! Pronto. E não é que hoje, plena segundona conturbada, início da confusão diária, Bernardo me diz: "Essa música é pra você, loira!"
Aí só me resta plagiar descaradamente o poeta matogrossense, que um dia escreveu assim:
"Esse é Bernardo. Bernardo da Mata. Apresento.
Ele faz encurtamento de águas.
Apanha um pouco de rio com as mãos e espreme nos vidros
Até que as águas se ajoelhem
Do tamanho de uma lagarta nos vidros. No falar com as águas rãs o
exercitam. Tentou encolher o horizonte
No olho de um inseto - e obteve!
Prende o silêncio com fivela.
Até os caranguejos querem ele para chão.
Viu as formigas carreando na estrada 2 pernas de ocaso
para dentro de um ôco... E deixou.
Essas formigas pensavam em seu olho.
É homem percorrido de existências.
Estão favoráveis a ele os camaleões.
Espraiado na tarde - Como a foz de um rio - Bernardo se inventa...
Lugarejos cobertos de limo o imitam.
Passarinhos aveludam seus cantos quando o veem...."

O Guardador de Águas - Manoel de Barros

E o vídeo está aqui! Adorei, Bê!! Beijos!

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Cascavel sedia Curso de Emergências em Cirurgia Bariátrica

Um assunto palpitante que tem ocupado o centro das atenções em todo o mundo diz respeito à obesidade e às complicações para a saúde que advém dela. Os casos de obesidade mórbida vem aumentando nos países de primeiro e terceiro mundo, atingindo pessoas independente de raça ou classe social. A Medicina tem se preocupado imensamente com os números que mudam rapidamente.
Temos, em Cascavel, especialistas na área que se dedicam ao estudo e programas para aperfeiçoar cada vez mais as técnicas empregadas no combate à obesidade e suas consequências, como problemas cardíacos, diabetes, pressão alta e muitas outras. Pensando em ampliar esse universo científico, a Gastroclínica promove um curso especial, de extrema importância para que a atualiação devida aconteça e a população possa ser beneficiada através do aprimoramento de seus médicos.
Amanhã, 28, no Bourbon Express de Cascavel acontecerá o Curso de Emergências em Cirurgia Bariátrica, com a presença de médicos especialistas de Cascavel e de outras localidades do Paraná.
A abertura será a partir das 8 horas com apresentação dos temas constantes no programa. O curso conta com o apoio da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica - Capítulo do Paraná, sendo coordenado pelos especialistas João Caetano Marchesini, de Curitiba e Tomaz Massayuki Tanaka, da Gastroclínica.
O evento é destinado a Cirurgiões-Gerais, Cirurgiões do Aparelho Digestivo, Cirurgiões Bariátricos, Residentes de Cirurgia Geral, Médicos de Pronto-Socorro, Internos e Acadêmicos de Medicina. E depois do evento científico, o negócio é saborear o delicioso sukiyaki preparado pela Dra. Hi na companhia especialíssima de Kassius, Elisete Beux, Sueli e Clóvis Grelak! Bom fim de semana, amigos!

A banda mais bonita da cidade

Oração (Leo Fressato)

"Meu amor essa é a última oração

Pra salvar seu coração

Coração não é tão simples quanto pensa

Nele cabe o que não cabe na despensa

Cabe o meu amor!

Cabem três vidas inteiras

Cabe uma penteadeira

Cabe nós dois..."

Maktub

"... Ele não receberá tratamento diferenciado dos demais detentos: vai usar uniforme padrão, calça cáqui e camiseta branca. Depois, será encaminhado para uma cela com outros quatro detentos. A cela acomoda até seis pessoas, pois dispõe de três beliches, e mede 16 m2. Ela é equipada com TV e chuveiro frio..."

Michel Foucault, A. Alvarez, Pe. Antônio Vieira e
Shakespeare.
Boa leitura, Pimenta Neves.

Assombros

Às vezes, pequenos grandes terremotos
ocorrem do lado esquerdo do meu peito.
Fora, não se dão conta os desatentos. Entre a aorta e a omoplata rolam
alquebrados sentimentos. Entre as vértebras e as costelas
há vários esmagamentos. Os mais íntimos
já me viram remexendo escombros.
Em mim há algo imóvel e soterrado
em permanente assombro.
Assim, assim... Affonso Romano de Sant'Anna

Sobre aquela inquietação...

"Às vezes, você perde vários poemas, porque sente uma frase, sente algo murmurado no seu espírito e não presta atenção porque está ocupado com os ruídos da vida. É necessário apurar o seu ouvido, ter a humildade de anotar a coisa mesmo quando ela não é muito boa. Pode, de repente, um texto meio nebuloso, meio esquisito, meio simplório demais, dar raiz a um poema posteriormente interessante."
Affonso Romano de Sant'Anna

domingo, 22 de maio de 2011

M A I O - A leveza (ainda) está no ar

Adoro o mês de Maio. Ele traz uma leveza que não encontro nos demais meses do ano. Há que se falar na lembrança iminente que maio ocasiona no imaginário das pessoas: comemoração do dia mundial do trabalho em seu primeiro dia, mês das mães, das noivas, de lembrar o que nos foi ensinado sobre a lei Áurea (aliás, quando criança, jurava que quem tinha assinado a lei abolicionista era a mãe de meu coleguinha, Gegê, professora Áurea e não tinha quem me dissuadisse do contrário - que princesa Isabel, que nada!) e para muitos que creem, mês da mãe maior, Maria.
Pesquisando o significado da palavra, é possível conhecer que Maio é o quinto mês do calendário gregoriano e tem 31 dias. Seu nome deriva da deusa romana Bona Dea, da fertilidade. Outras versões apontam que a origem se deve à deusa grega Maya, mãe de Hermes. Sob o Antigo Regime francês, era de costume plantar um " Maio " ou " árvore de Maio " em honra de alguém. No Condado de Nice, França, moças e rapazes "giravam Maio " ao som de pífano (pequena flauta transversal, aguda, similar a um flautim) e tambor, ou seja, dançavam ao redor da árvore de Maio.
Hoje é o vigésimo segundo dia do mês de maio. Que este seja, ainda, o prenúncio de coisas boas que possam perdurar por todos os demais meses. Musicalmente, me sinto bem em maio. Este ano, em especial, estou felicíssima! O motivo, logo irei revelar.
Paula Toller e Miguel Bosé têm, em suas coletâneas algo para falar sobre Maio. Sempre temos o que falar. Parafraseando Paulinha Toller e George Israel, "É hora de se mover pra viver mil vezes mais".
Beijos e bom Maio!

terça-feira, 17 de maio de 2011

Derramando poesia

Hoje é um dia especial e dias especiais significam poesia. Vou derramar poesia em minha terça-feira e espero que se espalhe sobre o seu dia também. "O Destino do Coração" faz parte da seleção 'Poemas Místicos do Oriente', com maravilhosos poemas de três grandes filósofos orientais: o libanês Khalil Gibran e os persas e sufis Omar Khayyam e Rumi.
Na voz de Letícia Sabatella, reforçam as palavras dos grandes poetas...
(Nem mármore, nem áureos monumentos de reis hão de durar mais que estas rimas...)

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Deu no ucho: Ministério da Educação foge de debate sobre a obrigatoriedade do Exame da Ordem

É aquela máxima tendo seu teor invertido - Fala demais quem não tem nada a dizer. No caso do representante do Ministério da Educação, fala 'de menos', né! Críticas bem aplicadas foram destinadas ao MEC por sua ausência (ou seria omissão?) na audiência pública que houve na quinta-feira (12) e que teve por objetivo debater a obrigatoriedade do exame da Ordem dos Advogados do Brasil. O tema mais que polêmico foi negligenciado pelo governo, a julgar pelo tempo de permanência de seu representante no local: 10 minutos.
Leia sobre o assunto no ucho.info

Fui ali...

E já voltei!
Como é delicioso voltar à terra natal, rever amigos, a família amada - embora estejam sempre por aqui - e matar a saudade do cheiro do mato, das paisagens que ficam gravadas na retina e no coração! E ainda mais na companhia de meu amorzão, que conheceu Tomazina e adorou! É isso. "Meu olhar se perde em paisagens serenas, sagradas, que movem raros trechos de poesia e canção..." Beijocas para todos os queridos que revi, principalmente para a pequena Natália, pelo carinho explícito!!

terça-feira, 10 de maio de 2011

Quem afronta quem?

Sinceramente, não entendo a revolta de alguns ante o episódio envolvendo o ex-governador Requião, Danilo Gentili e Renan Calheiros . Tratamento igualitário. Danilo Gentili falou o que muita gente tem vontade de dizer A MUITOS POLÍTICOS e não tem coragem ou oportunidade.
Uma pessoa a quem muito admiro defende que o CQC não faz jornalismo - faz humor. Concordo em parte, mas a cultura de se fazer piada sobre assuntos de extrema seriedade nesse país se tornou uma constante nos meios de comunicação. Aí fica difícil separar o sério do jocoso. Muito se perde com isso. Inclusive o jornalismo sério e crítico que deveria permear nosso cotidiano. Creio ser a primeira vez que vejo alguém acuar Roberto Requião. Daí a indignação de muitos.

domingo, 8 de maio de 2011

Mother - Sami Yusuf

Ummi... Albi maik! Mãe que amo tanto! Parabéns nesse dia também, a exemplo de todos os outros em que demonstra sua valentia e amor incondicionais. É, dona Naze, eu sei o quanto já foi guerreira nessa vida e ainda é, conservando sua sabedoria, sensatez, tolerância... Você é meio mãe de todo mundo! Obrigada, eternamente obrigadíssima por tudo! Lembra? "Te apoio da raiz dos cabelos à planta dos pés" Nossa! Levarei essa frase comigo até meus últimos dias! Jamais esquecerei disso... Logo, logo estarei aí, para te apertar pessoalmente! Amo você!
"Sami Yusuf (Mother)"

Mães Nunca Morrem

Mother's Day

Lynyrd Skynyrd - Simple Man

sábado, 7 de maio de 2011

Outra Vez

Yes, o empresário de Ritchie enviou-me, há 2 anos, vídeos blu-ray do cantor! Tinha esse material antes de ser postado no youtube. Adoro o trabalho desse cara!
Outra Vez - Ritchie/Arnaldo Antunes

Ah, Chico...!

Este vídeo é show! Além de ser um de meus preferidos, lembra-me o querido Epa, um dos melhores fotógrafos que conheço, homem mega inteligente e charmoso! Beijo pra ele!
Joana Francesa - Chico Buarque

video

Historinha pra boi dormir - continuação

... Depois de muito tentar entender, a princesa dos olhos caídos percebeu que tinha caído no conto do visconde (como tantas outras antes dela, que imaginaram mundos e fundos com o tal, iludidas em seu altar particular pseudo-intelectual).
Pois bem, Sua Alteza real, após inúmeras perseguições infrutíferas, decidiu colocar um ponto final naquilo tudo e assumiu nova postura diante de seu principado: a de "não foi comigo, Bebel!" - e vestiu a máscara da indiferença e casualidade para tocar a vida. Feliz escolha.
O "oráculo" de plantão - (sim, nessa história tem oráculo também, tal qual na mitologia escandinava ou grega) - é que não ficou muito contente ao saber disso, pois em seu íntimo trazia toda a mágoa e ódio pela felicidade alheia - aquela que nunca conseguiu conquistar pelas limitações de sua própria sorte. Jogando com o destino dos outros, o oráculo predestinava suas condutas como se dominasse o jogo da vida, mal sabendo o que a própria desenhava em traços firmes para o príncipe - ou visconde, como queiram - e a princesa escolhida. Enquanto destilava seu veneno em sua bat-caverna, o oráculo desconhecia a relação do casal real. Desconhecia completamente, em contradição aos "poderes" que tinha de predestinação, a união de ambos e a rotina ininterrupta que dividiam. Pobre oráculo. Quisera ter ignorado, tal qual todas as outras consortes o tratamento trivial e desinteressado que recebera do príncipe. Teria sido mais honroso, mas... Parafraseando Sir William - 'Quase sempre as mulheres fingem desprezar o que mais vivamente desejam.'
Voltando à princesa dos olhos caídos (porque o oráculo é secundário nessa história), após algum tempo de recolhimento, percebeu que poderia ser feliz em seu próprio reino, livre das intrigas do oráculo e liberta de seu sentimento possessivo. Tocou a vida, again.
O visconde, atento a todos os passos do inimigo, tivera o cuidado de registrar todos os esboços da conturbada história e vendeu-a para uma editora da nova Europa para virar best-seller. E assim, todos viveram na real, para sempre.
F i m

Ps: Menos o oráculo, que ainda teima em prever a vida de todo mundo. Tsc, tsc. Out.

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Historinha pra boi dormir

Se ouvir história fosse coisa boa, os árabes não estariam se matando nos dias de hoje, a exemplo dos grandes nomes que a literatura árabe traz em seu bojo - preciso registrar o encantamento que a leitura de "Alf layla wa-layla" (As Mil e Uma Noites) ainda exerce sobre mim, de compilação antiquíssima e variada de contos populares do Oriente Médio e do sul da Ásia, compilados em língua árabe e traduzido para o mundo ocidental pelo francês Antoine Galland.
Há mais, muito mais. Naguib Mahfouz, Taha Hussein, Tawfiq al-Hakim e M. Hussein Heikal, Khalil Gibran e Mihail Naima, os dois últimos incorporaram o pensamento filosófico às suas obras, resultado interessantíssimo. Cá em terras tupiniquins também temos nossas preciosidades literárias que me fazem flutuar ao ler suas palavras encantadas, suas construções linguísticas que poetizam até a atmosfera que envolve o leitor. Um deleite! Pois bem, mas tem histórias também que produzem efeito contrário e hoje vou contar uma.
Num país próximo, havia uma princesa que havia se libertado de seu cativeiro há pouco tempo e encontrava-se em tal estado de furor e animação que não escondia seus desejos por novas aventuras. Empreitada perigosa, pois a princesa dos olhos caídos tinha uma reputação a zelar perante o pai, rei letrado e tradicionalista e as atividades que ela desempenhava junto a divisão educativa do reino. Mas a princesa dos olhos caídos não resistiu aos apelos da liberdade que experimentava e aventurou-se em reinos distantes, para não ser reconhecida em seu quintal. E lá se foi a diva brega aos encontros às escuras para saciar sua lascívia e suas necessidades camufladas pela atividade que desempenhava em seu reino. Eis que um dia conheceu um príncipe de um reino vizinho e encantou-se por ele! A atração e dependência foi tamanha que as correspondências entre ambos passaram a estreitar-se cada vez mais até culminar em um encontro no reino do príncipe, pois a princesa dos olhos caídos, a bordo de sua pequena carroagem, não poderia esperar mais. Depois do tão esperado encontro, as promessas de amor restringiram-se a correspondências por telégrafos e pombos-correio, num arsenal de melodias e frases feitas que enredravam até o mais indiferente mortal à rendição do amor. Até que a princesa dos olhos caídos percebeu que o príncipe tão idealizado por ela estava mais para visconde. Aí o reino ficou pequeno para tamanha indignação e fúria. A princesa dos olhos caídos mandava mensagens através dos pombos-correio que regressavam sem resposta alguma. Fail na comunicação alada. Fail no coração da princesa dos olhos caídos. Então ela surtou e depois de mandar assar os pobres bichinhos que serviam de mensageiros, recolheu-se em seu reino e pousou seus olhos caídos sobre um plebeu na tentativa de esquecer o príncipe que transformara-se em visconde. Onde andaria o desgraçado? Com qual personagem estaria ele contracenando naquele momento? Ela precisava saber e passou a perseguir a princesa escolhida pelo visconde - ou príncipe, já não sei mais - com o intuito de despejar no romance que vislumbrara, o fel real que lhe sufocava o peito... (Continua amanhã...)

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Nunca Deixe de Sonhar -

Lindinha a canção de Fábio Jr. Vale a pena pela produção do vídeo!

Mais um cadim dela...

Um pouco de Clarice

Foto - Divulgação
... Pois logo a mim, tão cheia de garras e sonhos, coubera arrancar de seu coração a flecha farpada. De chofre explicava-se para que eu nascera com mão dura, e para que eu nascera sem nojo da dor. Para que te servem essas unhas longas? Para te arranhar de morte e para arrancar os teus espinhos mortais, responde o lobo do homem. Para que te serve essa cruel boca de fome? Para te morder e para soprar a fim de que eu não te doa demais, meu amor, já que tenho que te doer, eu sou o lobo inevitável pois a vida me foi dada. Para que te servem essas mãos que ardem e prendem? Para ficarmos de mãos dadas, pois preciso tanto, tanto, tanto - uivaram os lobos e olharam intimidados as próprias garras antes de se aconchegarem um no outro para amar e dormir.
Clarice Lispector - Trecho do conto 'Os desastres de Sofia', in "Felicidade Clandestina

terça-feira, 3 de maio de 2011

Notícia, desvios e terrorismo

A exemplo do que ocorreu com o assassino do Rio de Janeiro há poucas semanas, a suposta morte de Osama bin Laden ocupa hoje todos os noticiários de TV do mundo e da web. E ainda irá repercutir por um bom tempo, inclusive no Brasil. Penso que o cerne da notícia seja o momento exato em que ela se dá. Com todas as informações que devem acompanhá-la, mais ou menos como a teoria da pirâmide invertida (uma notícia começa pelos dados mais importantes – a resposta às perguntas 'o quê, quem, onde, como, quando e por quê' – seguida de informações complementares organizadas em blocos decrescentes de interesse).

Passou disso, vira especulação. E especulação tira o foco do público quanto aos demais problemas pelos quais passamos no momento, tal qual o aumento absurdo no preço do combustível, um indício claríssimo que nossa economia vai mal, obrigada. Ou alguém duvida do (des)governo de nosso país? De resto, quem escreve deveria ser conciso e pontual, embora saibamos que as pessoas esperam por sensacionalismos e os órgãos de imprensa não deixam ninguém na mão - proporcionam o espetáculo que todos aguardam. Os problemas, crises, colapsos financeiros estão aí, à mercê de quem quiser inteirar-se. Quem cultua o poder está deitando e rolando para o brasileiro, preocupado apenas em alicerçar seus ganhos e garantir uma pensão vitalícia através dos cargos públicos. Dá nojo. Enquanto isso, nossos olhos estão saltados, vidrados na pergunta que ecoa no momento: será que o Osama morreu? Morreu o diabo, quem está vivo é o brasileirinho perdido no vício e na miséria, no descaso público e no caos da saúde, no abandono de seus idosos e na maldita mediocridade que delineia o perfil de nossos políticos. Isso sim é terrorismo e dos brabos!

In My Life - Ozzy Osbourne/Slash

Pegue todos os teus amigos, os lugares que tu conhece, os momentos vividos, os amantes, as mudanças da tua vida. Nada disso se compara ao teu real amor. Simples e definitivo.

In My Life - (Lennon e McCartney)

segunda-feira, 2 de maio de 2011

Morre (?) Osama bin Laden

Foto - HO-AFP
Uma imagem divulgada na manhã desta segunda-feira seria, supostamente, o rosto do terrorista mais procurado do mundo, Osama bin Laden, morto na noite deste domingo. A foto impactante revela muitos sinais de violência. O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, fez um pronunciamento na noite de domingo (madrugada de segunda-feira em Brasília), anunciando oficialmente a morte do terrorista. “A justiça foi feita", anunciou. "Depois de um esforço muito grande, nós conseguimos”. (eBand/Jornalismo)

Será??